sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Tom Waits - Last Leaf



Música do último álbum do senhor, Bad As Me, deixo tb uma entrevista que deu e alguns excertos para quem não tem tempo de ler, o que fazem mal, pq acho que se aprende sempre qq coisa a ouvir este senhor falar..

Link para a entrevista:

http://www.guardian.co.uk/music/2011/oct/23/tom-waits-interview-bad-as-me










Partes que me apetece chamar a atenção:

He gives the impression of being in a state both of constant startled awareness, and vague puzzlement at the world. Some of this has to do with his hair, which seems to have led a long and interesting life of its own.


"Anyone who has ever played a piano," Waits likes to say, "would really like to hear how it sounds when dropped from a 12th-floor window." His music satisfies that curiosity.


"Jimmy Stewart said he stopped making movies because he didn't like the way he looked on screen anymore. I'm more the guy who says I look like hell but I'm going to see where it gets me."



When he was 10 or 11, his father – a Spanish teacher who used to drive his son from suburban Los Angeles over the Mexican border for haircuts and to listen to mariachi bands – walked out and didn't come back. Waits became, he told one interviewer, immediately fixated with dads. He would go around to his friends' houses not to see them but so he could hang out with their old man. At 12, he carried his grandfather's walking stick and wore a trilby (the hats have never gone away) and he would clear his throat and ask his friends' fathers stuff like: "So how long you been at Aetna, Bob?"

"I think everyone has irreconcilable musical differences," he says. "You know when you throw a party, you think people will show up and no one will like each other. It's like that with music – parts of your musical psyche have never met other parts. You wonder if you should get them together. I used to think it was good to keep them apart. Now I kind of throw them in and see what happens."

He takes comfort, too, in the fact that the future is not uniformly distributed. "If I want to walk out in the desert and heat up a can of beans on a fire, I still can. In those movies like Gattaca or whatever, the space age stuff is always all there is. But in the world there is never just one way of living. It's more like a big junkyard. Put it this way: I'm not afraid I'm going to end up on a space station in aluminium-foil underwear."

Music itself is the closest he gets to time travel. He gestures toward the jukebox: "The studio is torn down, all the people who played on it are dead, the instruments have been sold off. But you are listening to a moment that happened in time 60 years ago and you are hearing it just as sharp as when it was made. That remains an amazing thing to me."

Photographs have the same ghostly quality for him. He pulls out a little camera to prove the point. "You used to be able to see the pictures of America's 10 most wanted men in the post office, but they stopped that. I keep them on here, instead." He flips the pictures of fugitive murderers and terrorists. "Just in case, you know."

Alguém tinha que fazer este post!

Chega o fim o ano e com ele a carrada de listas dos melhores e dos piores. Venho destacar três listas feitas pela SPIN Magazine neste final de ano de 2011.


Melhor Canção
Rolling in the deep by Adele




Fica aqui a referência para Beyoncé no segundo lugar com countdown. Tive, como é óbvio, que ir ao youtube ouvir e devo dizer que, okay, continua a ser aquela coisa pop que uns gostam mais que outros mas, e atenção a este mas, é completamente diferente do que ouviamos há uns tempos pela boca da senhora. Está com um estilo diferente, com uma maior diversidade. Não fiquei fã, mas fica aqui o link pois claro.

Em terceiro lugar EMA, desconhecia e parece-me que após ouvir cheguei à conclusão do porquê.


Porquê?
Porque é das piores coisinhas que ouvi nos últimos tempos! Barulho pá! É só barulho!
Fica o link a começar no número 20 para quem quiser dar uma espreitadela.


Melhor Albúm
Deixo o Top 10 e o link para o Top 50


10. Lykke Li, Wounded Rhymes (link)
9. Wild Flag, Wild Flag (link)
8. G-Side, The One...Cohesive (link)
7. The Rapture, In the Grace of Your Love (link)
6. Danny Brown, XXX (link)
5. Girls, Father, Son, Holy Ghost (link)
4. Kurt Vile, Smoke Ring for My Halo (link)
3. EMA, Past Life Martyred Saints (link) - Devo confessar que agora estou curioso, mas se a melhor música do albúm é a que eu ouvi, não sei se devo colocar as expectativas muito altas.
2. PJ Harvey, Let England Shake (link)
1. Fucked Up, David Comes to Life (link)

Alguém conhece bem Fucked Up? É bom?


Melhor Fotografia

E para finalizar ficam, uma boa ideia confesso, as melhores 25 fotos do ano, no que à música diz respeito!

Fui passando as fotos e ia pensando, vou meter esta, não, esta é que é... Ahhh, se calhar esta. E quando vi esta pensei, que se lixem as outras! Eheh

Link!










MEGADETH
Yankee Stadium
9/14/11 - Bronx, NY.

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

Dead Man's Bones

Acho que pouca gente sabe, mas para além de ser, provavelmente, um dos melhores actores da actualidade, o Ryan Gosling, actor principal do Drive, tem uma banda, ou melhor um dueto, e realiza os próprios videoclipes, com o seu amigo Zach Shields. Já têm um álbum editado.

Ah, na banda, o Ryan Gosling não se chama Ryan Gosling, chama-se Baby Goose, hehe!

Todos os instrumentos usados no álbum são tocados ou por um ou por outro. Nenhuma música teve mais que três takes  em estúdio.

Stereoboy - Ceremony

Stereoboy é o pseudónimo com que Luís Salgado assina belas canções pop, pintalgadas por elementos electrónicos que contribuem para criar uma aura de inocência e simplicidade, levando o ouvinte para “aquela altura em que ser teenager tinha a ver com t-shirts simples de ar banal, calças de ganga gastas, ténis sujos, cassetes gravadas e re-gravadas e bandas de garagem metidas em garagens”, segundo explica o autor.

Cover dos Joy Division:

 

sábado, 24 de dezembro de 2011

All I want for Christmas is you...

Penso ser unânime que David Fonseca não é apenas um nome mais no Pop Português. Destaca-se há muito pela criatividade, loucura e irreverência que falta a muita gente por aí. Goste-se ou não é daquela pessoas a quem tem que se dar todo o crédito possível. Pessoalmente já gostei mais. De disco para disco tem vindo a caminhar num sentido que não é o meu preferido, mas tudo bem, amigos como sempre! O video que vos trago é um costume do DF, todos os Natais apresenta um novo video, sendo o de 2009 o meu favorito. Este ano com um video muito calmo, mas que trás ao de cima todo o talento do Shô Fonseca.



Acho que isto não está a funcionar como devia como tal deixo aqui o link.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

KIMBRA

Em conversa com uma coleguinha hoje , ela vira-se e diz "olha o que encontrei hoje assim completamente por acaso" e enviou-me um link: http://kimbramusic.com/.

E eu disse "olha que até parece fofinho, deixa lá investigar".

E aqui fica o resultado da pesquisa :P


Kimbra Johnson (born 27 March 1990), known mononymously as Kimbra, is a New Zealand singer/songwriter from Hamilton, New Zealand. She is currently based in Melbourne, Australia.
Kimbra's debut album Vows was released on 29 August 2011 in New Zealand, and 2 September 2011 in Australia on Warner Bros. Records Inc.

in Wikipedia




my____: http://www.myspace.com/kimbramusic

Ao que parece ainda pouco se ouviu falar dela. Ainda não tenho uma opinião muito formada sobre o assunto, estou a ouvir com atenção o álbum (ouvir na DropBox). Há coisas que me fazem lembrar Katy Perry, o que para mim não é bom, mas depois tem outras coisas bem maneirinhas...A ver vamos quando chegar ao fim da apreciação :P

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Machine Gun Fellatio - Girl Of My Dreams (Is Giving Me Nightmares)

Banda australiana de rock alternativo, diz que são uns ganda malucos! Reza a história que o nome vem de um grafiti que viram qd tavam a formar a banda. São de 97, separaram-se em 2004. Têm 3 álbuns:

- 2000 - Bring It On!
- 2002 - Paging Mr. Strike
- 2005 - On Ice

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

The Dykeenies - Stitches

Banda escocesa, art rock com influências de David Bowie e Bloc Party.

O álbum Nothing Means Everything tá na dropbox.

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Billy Talent - Fallen Leaves

Canadianos, banda de post-hardcore, seja lá o que isso for, já existem à bastante tempo, mas agora é que estão a ter algum sucesso. Chamavam-se Pezz, mas pelos vistos já havia uma banda com esse nome, e qd ficaram famosos tiveram que mudar o nome para Billy Talent.

Ando a ouvir o álbum Billy Talent II, de 2006. Pelos vistos não têm muita imaginação para nomes, e os outros álbuns chamam-se Billy Talent I e III. O próximo sai para o ano e vai-se chamar X, em principio..

Fica aqui o videoclip que um bacano fez para a música, o vimeo não tem o videoclip oficial, e como toda a gente já devia saber o soundbaites não aprova o youtube.

Abaixo o youtube, vida longa ao Vimeo!



Site oficial:

http://www.billytalent.com/

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

James Blake

Ora pois eu desconhecia, por absoluto, o trabalho deste moço, mas parece que anda por aí nas bocas do mundo a fazer furor...

Tive oportunidade de o ver no Vodafone Mexefest este fim de semana que passou e até gostei do concerto, mas aqui sentada a ouvir as músicas, posso dizer que não me arrefece, mas neste frio de inverno... tb nao me aquece... aqui fica uma amostra:

James Blake - Limit To Your Love from James Blake on Vimeo.

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Broken Social Scene

Hoje o que me "berra" nos ouvidos é Broken social scene :D

Broken Social Scene is a Canadian indie rock band, a musical collective including as few as six and as many as nineteen members, formed in 1999 by Kevin Drew and Brendan Canning. Most of its members currently play in various other groups and solo projects, mainly based around the city of Toronto. The band refuses the label "supergroup", based on size or the ubiquity of their members, claiming that in the indie scene everyone is involved in more than one project.

The group's sound could be considered a combination of all of its members' respective musical projects, and is occasionally considered baroque pop. It is characterized by a very large number of sounds, grand orchestrations featuring guitars, horns, woodwinds, and violins, unusual song structures, and an experimental, and sometimes chaotic production style from David Newfeld, who produced the second and third albums.




my_____:http://www.myspace.com/brokensocialscene
site ficial: http://www.brokensocialscene.ca/

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Não se pode... Ou não se deve?


É comum ouvirmos dizer que "não se pode julgar um livro pela capa".

E um álbum? Será que também não se pode? Ou não se deve?...

Vejam estas capas de álbum... e digam de vossa justiça! :)

(Não podia estar a por todas as capas... Fica esta, como exemplo...)

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Katy Perry - ET

Desculpem lá tar a insistir, epá, mas esta moça é injustiçada, isto é música boa:

Plastic Bertrand - Ça plane pour moi

Às vezes uma pessoa olha para o que foi feito nos anos 80 e pensa assim, valha-me deus, onde é que eles foram buscar isto???

A resposta é aos anos 70, claro. Fica aqui um exemplar do que se fazia nos finais dos anos 70.

Plastic Bertrand era um músico punk rock belga, e Ça plane pour moi, é o seu maior êxito. Música que já foi alvo de milhentas covers, desde os Sonic Youth, passando pelos Presidents of the USA, Vampire Weekend, Nouvelle Vague, ui tantas.

Vejam o videoclip e se tiverem tempo, dêem também uma vista de olhos na letra que não faz sentido nenhum pá!



Letra:

(Wham! Bam!)
(Mon chat "Splash")
Gît sur mon lit
A bouffé sa langue
En buvant (tronc) mon whisky
Quant à moi
Peu dormi, vidé, brimé
J'ai dû dormir dans la gouttière
Où j'ai eu un flash
Hou! Hou! Hou! Hou!
En quatre couleurs
Allez hop!
Un matin
Une (louloute) est venue chez-moi
Poupée de Cellophane
Cheveux chinois
Un sparadrap
Une gueule de bois
A bu ma bière
Dans un grand verre
En caoutchouc
Hou! Hou! Hou! Hou!
Comme un indien dans son igloo
Ça plane pour moi
Ça plane pour moi
Ça plane pour moi moi moi moi moi
Ça plane pour moi
Hou! Hou! Hou! Hou!
Ça plane pour moi
Allez hop! La nana
Quel panard!
Quelle vibration!
De s'envoyer
Sur le paillasson
Limée, ruinée, vidée, comblée
"You are the King of the divan!"
Qu'elle me dit en passant
Hou! Hou! Hou! Hou!
I am the King of the divan
Ça plane pour moi
Ça plane pour moi
Ça plane pour moi moi moi moi moi
Ça plane pour moi
Hou! Hou! Hou! Hou!
Ça plane pour moi
Allez hop!
T'occupe
T'inquiète
Touche pas ma planète
It's not today
Quel le ciel me tombera sur la tête
Et que l'alcool me manquera
Hou! Hou! Hou! Hou!
Ça plane pour moi
Allez hop! Ma nana
S'est tirée
S'est barrée
Enfin c'est (marre) à tout casser
L'évier, le bar me laissant seul
Comme un grand connard
Hou! Hou! Hou! Hou!
Le pied dans le plat
Ça plane pour moi
Ça plane pour moi
Ça plane pour moi moi moi moi moi
Ça plane pour moi
Hou! Hou! Hou! Hou!
Ça plane pour moi
Ça plane pour moi
Ça plane pour moi
Ça plane pour moi moi moi moi moi
Ça plane pour moi

Ah, e para tornar este post em mais um post brutal, pergunta de pop quiz e por falar em Presidents of The United States, de que filme é esta imagem?




quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Type O Negative - Everyone dies



Era uma vez um vampiro. Chama-se Peter Steele, tinha mais de dois metros de altura e gostava de black metal.

Foi o vocalista primeiro dos Fallout, depois dos Carnivore, no fim dos Type O Negative.

Durante os concertos bebia, tinha medo do palco, não gostava das luzes fortes.. Para disfarçar o sangue com que se embriagava, era normal aparecer com uma garrafa de vinho tinto nas mãos.

Nasceu entre os humanos, na Europa, no século XIV, sob o nome de Peter Thomas Ratajczyk. Só depois de se transformar mudou o nome para Peter Steele. O apelido era uma brincadeira com o gosto metálico do sangue..

Rodeava-se de gatos, que tal como ele eram animais da noite.

Esteve um ano internado num hospício, alegadamente por paranóia. Era um consumidor de drogas pesadas, faziam-no esquecer os amigos perdidos pelo passar dos anos.

Disse uma vez, quando acusado de bipolaridade, entre o homem e o monstro:

I’ve always been a very depressed person, but that’s only one side of me, you know. It makes me feel better when I can express my depression, my anger, my frustration through music...sonic therapy.


A 14 de Abril de 2010, com a idade de 628 anos, decidiu ver o primeiro por do sol em mais de 500 anos..

Antes despediu-se assim:

Dois Mil e Oito - 5ª Feira

Definição da wikipédia:

é o número inteiro que vem antes de dois mil e nove e que vem depois de dois mil e sete.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Dois_mil_e_oito

Tb é uma página no myspace com 2532 amigos.
http://www.myspace.com/doismileoito

E ainda tocam isto:



Ah, e têm uma cover do TechnoViking:



Muito forte este post!

Coldplay - Mylo Xyloto


Acabei de ouvir o novo álbum de Coldplay, Mylo Xyloto...e confesso que estou desiludida! Acho que estou preparada para "a conversa"! Acho que às tantas o problema não é deles...se calhar o problema sou mesmo eu! Mas vai daí eu continuo a gostar dos primeiros álbuns (A roush of blood trougth the head, Parachutes e até algumas de X&Y)   e a ouvir regularmente.

Acho que consigo tolerar algumas músicas do novo álbum (Every teardrop is a waterfall e Paradise), mas se calhar é só porque já ouvi tantas vezes na rádio que a coisa já é como ouvir chuva a cair...uma pessoa podem até nem gostar mas acaba por se habituar.

Mas acho que não posso mais com isto...não percebo o que se passa com esta banda...não sei dizer o que aconteceu! Mas isto é a minha opinião...e já sabemos que as opiniões são como as cuecas...

Fica uma musiquinha que me desagrada em especial.

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Banda Sonora de Natal - Tony Bennett | Duets

Está a chegar aquela altura do ano que cria muita ansiedade em TOOOODA A GENTE! Digam o que disserem ninguém fica indiferente ao Natal! São as compras de prendas, a noite de Natal e juntar a família à mesa (que nem sempre é pacifico ;)), mas descobri (descobri salvo seja, para mim é novidade para muitos é tipo "dahhhh, andas cá a dormir?") "A" Banda sonora que pode acompanhar uma boa consoada:

Tony Bennett |  Duets  - An American Classic


Tem de tudo e com todos...é tipo o "bacalhau com todos", um clássico mas obrigatório à mesa na consoada. É daquelas coisas que ficam sempre bem, não aborrece ninguém e tem um efeito calmante, às vezes enérgico outras vezes mais ronhónhó!

Lembro-me que foi o ano passado (se não me falha a memória) que ficamos noite dentro a jogar às cartas e a ouvir um concerto do Frank Sinatra que estava a passar na TV. Foi uma agradável coincidência que toda a gente reconhecia as músicas e criou bom ambiente ;)

Elvis Costello, George Michael, Bono, Diana Krall, Sting, Amy Winehouse...you name it! Tem todos :P
(Tem tantos que alguns estão a mais...)



Se esta moça não vestisse carne e não fizesse música de fezes até era capaz de gostar dela :P
(Mesmo que neste video ela pareça ter mil anos)

Acho que o Tony podia ser mais arrojado...imagino um dueto com Marilyn Manson numa nova cover de Sweet Dreams :D

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Florence and The Machine

Florence and the Machine (stylised as Florence + the Machine) is the recording name of English musician Florence Welch and a collaboration of other artists who provide backing music for her voice. Florence and the Machine's sound has been described as a combination of various genres, including rock and soul.





E eis que agora saí o novo album "Ceremonials"

Ceremonials is the second studio album by English indie pop band Florence and the Machine, released in the United Kingdom on 31 October 2011 by Island Records. The album is noted for having a larger, more baroque pop sound than its predecessor, Lungs, with critics drawing comparisons to art rock artist Kate Bush. 

in Wikipedia
Já ouvi o álbum todo e esta foi a música que me ficou Seven Devils.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Bandas sonoras: Twilight - New Moon

Vamos dizer que tenho assistido a esta saga toda...é curiosidade, muito parecida a ter visto todos os filmes do Harry Potter sem achar especial interesse na coisa. Encaro isso como uma pesquisa sociológica. Não, não teria vergonha em dizer que aprecio estas sagas...é o que é...uma curiosidade impulsiva em ver assistir a estes fenómenos de bilheteira. Mas há uma coisa que gosto no meio disto tudo. Se uma pessoa se conseguir abstrair de vampiros a brilhar ao sol e afins...a banda sonora no segundo filme da saga "New Moon" (é o segundo, não é?) é boa! Eu gosto e por isso decidi partilhar com vocês (e para alguns na dropbox :P).

Deixo aqui três músicas que estão contempladas na OST.

Thom Yorke – Hearing Damage



Lykke Li – Possibility



Bon Iver & St. Vincent – Roslyn

 

Banda sonora para Portugal 2011

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Cecimonster Vs. Donka - Watch Me

Descobri isto outro dia, é tipo grunge meets punk, são de Lima no Perú, e não sei muito mais deles. É assim mais pesado, mas gosto.

Site dos bacanos, dá para sacar o álbum grátis, chama-se Solara:

http://www.cecimonstervsdonka.com/

Myspace dos tipos:

http://www.myspace.com/cecimonstervsdonka

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Peter Broderick + Fujiya and Miyagi

Dia 11 de Novembro no MusicBox, os bilhetes custam 10 euros, e têm-se direito a uma cerveja.

http://www.musicboxlisboa.com/post.php?id=483&cat=2

Fica a descrição do site, e dois vídeos para abrir o apetite, querem ir?

A segunda sessão da série Musicbox Heineken Series mostra o novo disco de Peter Broderick e marca a primeira vez em que Fujiya & Miyagi apresentam o seu mais recente trabalho em Lisboa.

A qualidade sintética que reconhecemos tanto em Peter Broderick como em Fujiya and Miyagi é curiosamente vivaz. O que, ao ouvido apressado, se assemelha a um vazio manipulável (num) e de introspecção inconsequente (noutro) transforma-se, à entrada nos seus mundos de raiz digital, numa urgência sem rede que nos deslumbra e desarma. Conhecemos Peter Broderick dos Efterklang, banda inspiradora com tenda montada na indie. A solo, vem experimentando novos limites minimais para o formato canção, registando os magníficos resultados em edições de curta duração. Já os Fujiya and Miyagi têm um álbum inteiro, novíssimo, para mostrar: Ventriloquizzing. Os britânicos não dispensam um bom beat e o clássico alinhamento rock, mas desenganem-se: a dança é assunto sério – embora isso nunca tenha impedido uma noite bem sacudida.



Peter Broderick Below It from Ralph Etter on Vimeo.


Fujiya & Miyagi 'Ankle Injuries' - Director: Wade Shotter from Tom Lindsay on Vimeo.

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Throw your arms around me

Sabem a cover dos Pearl Jam? Conheciam a versão original? Foi escrita por um australiano chamado Mark Seymour, vocalista do Hunters & Collectors. Fica aqui a versão original:


 COVER
 

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Amanda Palmer

Já não me lembro se já fiz algum post da Amanda Palmer..

Vocalista dos Dresden Dolls, banda de estilo difícil de definir, mas que a própria decidiu chamar Brechtian Punk Cabaret porque começaram a dizer que era uma banda gótica, e epá, não tem nada a ver e ela não gostou..

Pode-se mesmo dizer que os Dresden Dolls conseguiram introduzir (introduzir talvez seja incorrecto, vamos antes dizer que baptizou o estilo) um novo estilo musical, já seguido por bandas como os Vermillion Lies, Gitane Demoine, Hannah Fury, Hurdy Gurdy, Jill Tracy, Majandra, Man Man, Tiger Lillies, e porque não dizer mesmo Devendra Banhart. É claro que também podemos dizer que o Tom Waits anda a fazer isso desde o início dos tempos, ou não fosse ele o diabo, mas pronto..

Falta dizer que é mais conhecida como Amanda Fucking Palmer! E basta ver algumas coisas dela para perceber pq.

Fica aqui o vídeo dela a tocar Creep dos Radiohead, acompanhada com as Vermillion Lies, num encore de um concerto em 2009 em San Diego:


Amanda Palmer and Vermillion Lies "Creep" (Radiohead cover) encore and AFP final thanks July 24, 2009 (17/17) from Here With You on Vimeo.


quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Marc Ribot y Los Cubanos Postizos - No Me Llores Mas

Diz que os Dead Combo têm um albúm novo. Não sou assim mega fã, se bem que gosto do Tó Trips e do albúm Vi-os desaparecer na noite. Faz lembrar aquele maluco a declamar poesia em Paredes de Coura.

Bom, mas só comecei isto pelos Dead Combo, porque acho que este álbum tem uma série de convidados, sendo um deles Marc Ribot, que é capaz de ser um dos maiores guitarristas de sempre. O gajo já tocou com montes de malta, inclusivé o devil himself, Tom Waits.

A banda actual dele chama-se Ceramic Dog, mas fica aqui um vídeo com os Cubanos Postizos:

Amycanbe

Descobri esta bacaninha ontem, é assim calminho, gosto:


My nephew Liam from Mall on Vimeo.

Estava a ver este video, por outra razão, e achei piada à música. Fui investigar de quem era.

Links para explorar melhor:

http://amycanbe.it/
http://www.myspace.com/amycanbe

Ástor Piazzolla

Silêncio que se vai ouvir tango :D

Astor Piazzolla, Contrabajeando.... from Intraimagen Producciones on Vimeo.


 Astor Piazzolla in wikipedia.

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

“Do I dare to eat a peach?” – T.S. Eliot

Por falar em Peaches (comentário que deixei no post anterior) lembrei-me agora que era um ódio de estimação que tinha! Aquela cena de men-hate extremista da moça não era coisa que me fizesse muito sentido. Mas confesso que depois de ter visto o concerto ao vivo em Paredes de Coura mudou em parte a minha opinião. Ela é uma doidivana absurda mas lá que sabe montar um espectáculo, isso sabe.
 

Peaches and Iggy Pop - Kick It (Rock'n Roll). por mgrego
Site oficial: http://www.peachesrocks.com/site/about/

Peacock

Katy Perry, bom, sou fã! Mas um fã fraquinho vá, que só descobri isto agora. Epá, puff, mas isto é tão forte!


katy perry peacock live 2011 por JasminecShare

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Beirut

epah... isto é lindo!!

não tenho palavras, só sei k me tira um sorriso.

HITT


A propósito do Anipop Kyuu-Ti (ver mais aqui), fica aqui como curiosidade um videoclip!



 my_____: http://www.myspace.com/megahittofficial

sábado, 27 de agosto de 2011

Estava difícil deste post sair... têm de perceber que é a minha primeira vez.. e como sempre se disse a 1º é que custa mais... loll
Esperemos que agora seja mais simples.
Depois de muito pensar, se devia optar pelo “revivalismo”, que me “atormentou" durante uns tempos... voltar a ouvir Stone Temple Pilots, Nirvana, Editors, Silverchair, Interpol, Foo Fighters, The Doors, The National, entre tantos outros...
Decidi optar por algo que neste momento faz mais sentido.. e bem mais recente que os que referi anteriormente. Mas também é mais ou menos assim que escolho a musica que ouço... gosto de quase todos os géneros, mas dependendo no momento assim escolho ouvir Indie, rock, folk, punk, clássica e quiçá até mesmo pimba (temos de ter em atenção que até se torna divertido nas festas das terrinhas)
Com muita muita pena minha, falhei o concerto deles no SBSR... mas pronto.. outras oportunidades surgirão, espero....

The Vaccines - Wetsuit

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Beirut, 'The Rip Tide'

Oh boy, oh boy!!!!
Diz que está a sair o novo album de Beirut, 'The Rip Tide', dia 30 de Agosto. E para quem gostar tanto como eu, deixo aqui o endereço onde o podem ouvir inteirinho!!! :D

http://www.npr.org/2011/08/07/138984737/first-listen-beirut-the-rip-tide?ps=mh_frhdl1#playlist

Para já, estou a gostar... :)

terça-feira, 16 de agosto de 2011

UPA 2008 - Unidos Para Ajudar

UPA, que é como quem diz:
Levanta-te contra a discriminação das doenças mentais.

Esta foi uma campanha muito bem conseguida, pelo menos na minha opinião, que conseguiu UNIR grandes músicos e bandas portuguesas PARA AJUDAR. As músicas ficaram muito bem conseguidas e passam a mensagem, que não é fácil...

Dois filmes de campanha:






O site:

http://www.encontrarse.pt/upa08/

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Twin Shadow

George Lewis Jr., nome artístico Twin Shadow, nasceu na Rep. Dominicana mas foi criado nos E.U.A. "Slow" foi o seu grande hit até ao momento (mas tem mais coisas muito boas). Há quem oiça The Smiths, Morrissey e Joy Division nesta música (eu incluo-me nesse grupo de olhos fechados) :)

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

"fado é palavra portuguesa para destino"



esta música é cantada por um duo que eu não conhecia.
esta música, para mim, era bela, mas triste.
esta música, para a Isabel*, é bela. para ela,  isso significa, per si, que é uma música feliz, pois belo e triste não pertencem ao mesmo conjunto.

afinal, o sapo Cocas casa com a Miss Piggy, e lá partem para serem felizes para sempre.
por isso, explicou-me a Isabel, no final da música que consegue ouvir mais de 20 vezes seguidas, sempre cantando como sabe, como melhor pode, adorável e imperfeitamente, esta é uma música bonita.

deixo à vossa consideração.

* Isabel tem mais de 40 anos, e uma deficiência mental moderada que lhe confere uma idade intelectual de cerca de 9 anos. 

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Deer Tick - Baltimore Blues no. 1


Banda indie americana de Providence, mistura folk, blues e country. O nome, que quer dizer carraça, tem origem numa vez que o futuro vocalista dos Deer Tick John McCauley (o tipo dos óculos cheios de estilo), andava a fazer uma mega caminhada com outro bacano, que por acaso tb tem uma banda, os Viking Moses, e então o McCauley encontrou uma carraça na cabeça. Vai dai, e como uma coisa leva à outra, decidiu dar esse nome à banda.. Faz quase sentido, acho eu.

The Dodos

The Dodos began playing music together in 2005, when musician Meric Long, who had been gigging steadily in San Francisco as a solo singer-songwriter, was introduced to Logan Kroeber through a mutual friend (a college acquaintance of Long's that happened to be Kroeber's cousin).

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Warpaint

Roubei à Inês no Fb e estava a ouvir agora...



my___: http://www.myspace.com/worldwartour

Warpaint is an American art rock group from Los Angeles, formed in 2004. The band consists of Emily Kokal (vocals, guitar) (Born September 1980), Theresa Wayman (guitar, vocals), Jenny Lee Lindberg (bass, vocals), and Stella Mozgawa (drums, keyboards). The band's membership has also included actress Shannyn Sossamon and Red Hot Chili Peppers guitarist Josh Klinghoffer. Warpaint released their debut EP, Exquisite Corpse, in 2009, followed by their full length album, The Fool, released on 25 October 2010.


segunda-feira, 18 de julho de 2011

Um cheirinho a férias

As férias estão aí! O Verão já chegou, tímido e pouco caliente! Já deu para fazer umas boas manhãs de praia o que só abriu o apetite para o já merecido descanso! Eu só tenho férias em Agosto por isso vou partilhar com vocês que: SÓ JÁ FALTAM 11 DIAS PARA ESTAR OFICIALMENTE DE FÉRIAS!



Sobre os Fool’s Gold tenho a dizer que são uma banda de Los Angeles que juntam música pop ocidental com ritmos africanos. Tem como vocalista e baixista Luke Top e Lewis Pesacov na guitarra. Dá vontade de levantar e dar um pezinho de dança ou ficar só sentado a abanar a cabeça e tentar acertar no ritmo :D

my_____: http://www.myspace.com/foolsgold

Tenho ainda a dizer que Fool’s Gold é um filme daqueles...bem, daqueles que dão nome à silly season e como tal, perfeitamente pertinente neste post com cheirinho a férias :D



imdb: http://www.imdb.com/title/tt0770752/

segunda-feira, 4 de julho de 2011

IOSONOUNCANE

Hoje esqueci-me do meu adorado disco externo em casa...o que se traduz em PÂNICO E HORROR!!!! O que é que vou ouvir hoje todo o dia? Eu até gosto da Radar (que como já referi antes, é a sintonia que se ouve aqui todo o santo dia), mas não consigo estar concentradissima a fazer o que quer que seja sem a minha querida pasta de música, fruto de anos e anos de investigação e que se foi apurando com o passar do tempo e dos meus gostos pessoais. Vai daí que há uns tempos o Telminho me enviou este link: http://www.stereomood.com. Aconselho vivamente tem uma forma interessante de funcionamento, é fácil e intuitivo de usar e umas mega listas de música que podemos ir filtrando à medida que o vamos ouvindo.

Óptima forma de conhecer novos sons e voltar a ouvir clássicos intemporais. Hoje, não sei bem porquê, ouvi muita música italiana. Pouco ou nada conheço de música italiana mas esta ficou e agradou. O jovem parece alucinado e canta como se o mundo fosse acabar e não tivesse tempo para dizer tudo :D

Não encontrei muita informação sobre ele, por isso se alguém souber de mais info, partilhe sff.



my____: http://www.myspace.com/iosonouncane

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Portugal. The Man

The band's name is based on the idea of David Bowie's "bigger than life" fame. They wanted the band to have a bigger than life feel but didn't want to name it after one of their members.
"A country is a group of people," guitar player and vocalist John Gourley explains. "With Portugal, it just ended up being the first country that came to mind. The band's name is 'Portugal'. The period is stating that, and 'The Man' states that it's just one person." The name has more personal meaning as well: Portugal. The Man was going to be the name of a book that Gourley had planned to write about his father and his many adventures.
in http://mog.com/inrumford/blog/1445012

Tell me about the origin of the name, Portugal. The Man?
It’s hard to explain, but it made perfect sense at the time. Over the 5 years that we’ve had the band name it’s just kind of gotten lost, but the idea was that we wanted to back somebody up. I guess in choosing Portugal, it was just kind of a random choice. We really wanted a country to be the name of our person because a country is a group of people. The man just states that Portugal is a person. So really Portugal is the band’s name and the man is just stating that he is the man.

segunda-feira, 27 de junho de 2011

Gorillaz

Gosto, gosto muito! Gosto da música, das personagens, dos cenários, dos videoclips... enfim tudo!



Gorillaz is a British musical project created in 1998 by Damon Albarn and Jamie Hewlett. This project consists of the Gorillaz music itself and an extensive fictional universe depicting a "virtual band" of cartoon characters. This band is composed of four animated members: 2D (lead vocalist, keyboard, and melodica), Murdoc Niccals (bass guitar and drum machine), Noodle (guitar, keyboard, and occasional vocals) and Russel Hobbs (drums and percussion). Their fictional universe is explored through the band's website and music videos, as well as a number of other media, such as short cartoons. The music is a collaboration between various musicians, Albarn being the only permanent musical contributor. Their style is a composition of multiple musical genres, with a large number of influences including: dub, hip hop, alternative rock, electronic and pop music.

The band's 2001 debut album Gorillaz sold over seven million copies and earned them an entry in the Guinness Book of World Records as the Most Successful Virtual Band. It was nominated for the Mercury Prize 2001, but the nomination was later withdrawn at the band's request. Their second studio album, Demon Days, released in 2005, went five times platinum in the UK, double platinum in the United States,earned five Grammy Award nominations for 2006 and won one of them in the Best Pop Collaboration with Vocals category. Gorillaz have also released two B-sides compilations and a remix album. The combined sales of Gorillaz and Demon Days had, by 2007, exceeded 20 million albums. The band's third studio album, Plastic Beach, was released in March 2010. Their latest album, The Fall, was released in December 2010 as a free download for sub-division members, then in April 2011 as a physical release.


Plastic Beach


Site oficial: http://gorillaz.com/

G-Sides - Hong Kong

terça-feira, 21 de junho de 2011

Legião Urbana

Já que estamos na música brasileira, não posso deixar de fazer um tributo aos Legião Urbana, que foram uma das primeiras bandas brasileiras das quais me tornei fã. Algumas das músicas que não ouço à anos ainda as sei de cor (ou quase). Ontem ouvi uma música deles na rádio e não podia deixar passar a oportunidade.

Legião Urbana foi uma banda brasileira de rock surgida em Brasília ativa entre 1982 e 1996. Ao todo, lançaram treze álbuns, somando mais de 20 milhões de discos vendidos. Ainda hoje, é o terceiro grupo musical da gravadora EMI que mais vende discos de catálogo em todo o mundo, com uma média de 250 mil cópias por ano. O fim do grupo foi marcado pelo falecimento de seu líder e vocalista, Renato Russo, em 11 de outubro de 1996. A banda é uma das recordistas de vendas de discos no Brasil incluído premiações da ABPD com dois Discos de Diamante pelos álbuns Que País É Este de 1987 e Acústico MTV de 1999.[3] A banda faz parte do chamado quarteto sagrado do rock brasileiro, juntamente com o Barão Vermelho, Titãs e Paralamas do Sucesso.

in Wikipédia

Podia escolher muitas para mostrar a banda, mas pelos meus 29 anos.... :)

Vinte e Nove

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Planet Hemp - Mantenha o Respeito

Tava a ver se encontrava um vídeo da minha música preferida dos Planet Hemp antes de se venderem, mas só encontro qd fizeram o concerto para a MTV. Já não é o mesmo, mas pronto, aqui fica:

"saber cantar/ nunca foi um bom sinal para namorar"



aqui se podem fazer downloads gratuitos da obra de Bernardo.

Gosto especialmente desta música, do anterior álbum do jovem senhor, porque é muito animada (apropriada ao mês das festas), e tem um piano brilhante a acompanhar-lhe a voz em que ainda não denoto o efeito do tabaco. Quase como se fosse uma música a duas vozes, com o piano irreverente =)

Marcelo D2 (continuação)

Porque sabem que eu gosto de continuar post... confesso que sou adepta de música brasileira, dentro deste género e por isso gosto muito de Marcelo D2, tenho até um album original vindo directamente do Brasil.

Marcelo D2 - MTV Acústico

Nesta música o cantor traz o filho para o palco e numa canção de pai para filho e vice-versa, diz uma das coisas mais bonitas que já ouvi, com pontencial para fazer deste mundo uma coisa melhor :)

Marcelo D2

"Tá máluco??? Eu sô sinistro neguinho, quá é?"


Marcelo D2 (nome artístico de Marcelo Maldonado Gomes Peixoto, Rio de Janeiro, 5 de Novembro de 1967) é um rapper brasileiro ex-vocalista da banda Planet Hemp, que hoje segue em carreira solo.

Célebre por misturar o samba com a black music, fez várias parcerias com artistas de outros gêneros, como o axé music, e com pessoas que fazem batidas de música eletrônica com a boca, popularmente conhecido como beatbox. Atualmente, um de seus principais parceiros em shows e turnês, é Fernandinho BeatBox, o qual, faz alguns efeitos em suas músicas, e sempre é chamado ao palco, para animar o público, com seus hits.




Site oficial: http://www.marcelod2.com.br/

Damien Jurado - Sheets



Americano de Seattle, faz assim uma espécie de folk music e tem uma data de albúms. Eu tenho aqui o Caught In The Trees de 2008 e gosto muito. Fica aqui a versão acústica da Sheets:

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Thao with The Get Down Stay Down - When We Swam


Banda de São Francisco, folk rock, cuja vocalista é Thao Nguyen, que é um belo nome, na minha opinião. Esta mocinha começou a tocar guitarra aos 12 e logo a dar concertos. Gosto do álbum Know Better Learn Faster, fica aqui When we swam:



Site oficial:

http://thaomusic.com/

Ah, acho que anda a fazer um tour com a Mirah, que tb é porreiro.

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Brazilian Girls

E já que falamos nisto. Eu gosto de Brazilian Girls... Eu não gosto muito de música electrónica, mas esta eu até consigo ouvir e bater o pé ao ritmo e na maluqueira até danço um bocadinho!

Brazilian Girls é uma banda de Nova Iorque conhecida pela sua mistura eclética de música eletrônica e dance music com estilos musicais tão diversas como o tango, chanson, house e lounge. Nenhum dos membros é realmente do Brasil e a única mulher da banda é a vocalista Sabina Sciubba. Outros membros incluem o tecladista Didi Gutman, o baterista Aaron Johnston e ex-baixista Jesse Murphy.

A banda lançou três álbuns de estúdio até a data: O álbum auto-intitulado estreou em 2005; e seu segundo álbum, intitulado Talk to La Bomb lançada em setembro de 2006; e terceiro álbum New York City, divulgado em 5 de agosto de 2008.




Site oficial: http://www.braziliangirls.info/

Fernando Pessoa por Margarida Pinto

O álbum "Apontamento" de Margarida Pinto - também vocalista dos Coldfinger- lançado em 2005 foi o seu primeiro trabalho a solo. Na minha opinião está muito bem trabalhado e tem nada mais nada menos que Fernando Pessoa musicado... Acho que vale a pena ouvir. Deixo-vos três poemas e as músicas.

Não é todos os dias que podemos escutar Fernando Pessoa, e os seus heterónimos, desta forma:

Apontamento

A minha alma partiu-se como um vaso vazio.

Caiu pela escada excessivamente abaixo.
Caiu das mãos da criada, descuidada.
Caiu, e eu fiz-me em mais pedaços do que havia loiça no vaso.

Fiz barulho na queda como um vaso que se partia.
E os deuses que há debruçam-se da escada.
Para ver o que a criada fez de mim
Não se zanguem com ela.
São tolerantes com ela.

Asneira? Impossível? Sei lá!
Tenho mais sensações do que tinha quando me sentia eu.
Asneira? Impossível? Sei lá!
Tenho mais sensações do que tinha quando me sentia eu.

A minha alma partiu-se como um vaso vazio.
Caiu pela escada excessivamente abaixo.
E os deuses que há debruçam-se da escada
E sorriem à criada
Não se zanguem com ela.
São tolerantes...

A minha alma partiu-se como um vaso vazio
Caíu, partiu-se, caíu
A minha alma partiu-se como um vaso vazio
Caíu, partiu-se, caíu

O que era eu, o que era eu?
Um vaso vazio
O que era eu, o que era eu?

Alastra a escadaria atapetada de estrelas.
Ao fundo um caco brilha entre os astros.
A minha obra? A minha alma principal? A minha vida?
E os deuses olham-o por não saber por que ficou ali.

Asneira? Impossível? Sei lá!
Tenho mais sensações do que tinha quando me sentia eu.

O que era eu, o que era eu?
Um vaso vazio
O que era eu, o que era eu?
Ai, o que era eu, o que era eu?
Um vaso vazio
O que era eu, o que era eu?

Alberto Caeiro




Na Véspera de não Partir Nunca


Na véspera de não partir nunca
Ao menos não há que arrumar malas
Nem que fazer planos em papel,
Com acompanhamento involuntário de esquecimentos,
Para o partir ainda livre do dia seguinte.
Não há que fazer nada
Na véspera de não partir nunca.
Grande sossego de já não haver sequer de que ter sossego!
Grande tranqüilidade a que nem sabe encolher ombros
Por isto tudo, ter pensado o tudo
É o ter chegado deliberadamente a nada.
Grande alegria de não ter precisão de ser alegre,
Como uma oportunidade virada do avesso.
Há quantas vezes vivo
A vida vegetativa do pensamento!
Todos os dias sine linea
Sossego, sim, sossego...
Grande tranqüilidade...
Que repouso, depois de tantas viagens, físicas e psíquicas!
Que prazer olhar para as malas fítando como para nada!
Dormita, alma, dormita!
Aproveita, dormita!
Dormita!
É pouco o tempo que tens! Dormita!
É a véspera de não partir nunca!

Álvaro de Campos, in "Poemas"
Heterónimo de Fernando Pessoa



Não: não digas nada!

Não: não digas nada!
Supor o que dirá
A tua boca velada
É ouvi-lo já
É ouvi-lo melhor
Do que o dirias.
O que és não vem à flor
Das frases e dos dias.
És melhor do que tu.
Não digas nada: sê!
Graça do corpo nu
Que invisível se vê.

Fernando Pessoa, 5/6-2-1931







quarta-feira, 15 de junho de 2011

Festival do Crato

Tá FORTE! Ou em alentejano, está "FORTI", muito FORTI!
As festas do Crato começaram por ser umas festinhas simpáticas sempre com bom ambiente e bons artistas convidados, mas agora meus amigos é um MEGA FESTIVAL!



O Festival do Crato está de volta este ano nos dias 24, 25, 26 e 27 de Agosto. Depois da edição do ano passado ter contado com nomes como Amália Hoje, Nouvelle Vague, O’Questrada, Virgem Suta, Tim e Companheiros de Aventura, UB40 e Orelha Negra, este ano promete voltar a apresentar um excelente cartaz.

Já há cartaz para o Festival do Crato 2011:

24 | Expensive soul
          Marco Rodrigues (fado)

25 | Deolinda
          Os homens da luta

26 | Gabriel o Pensador (a começar a digressão do novo album em Portgual)
          Clã

27 | Gotan Project
          Legendary Tigerman

Isto para embalar artesanato e boa mesa alentejana...Em cheio, não?

Só é pena o site ser tão fraquinho que nem funciona: http://www.cm-crato.pt/festivaldocrato/
FB: http://www.facebook.com/pages/Festival-do-Crato/123879397654434

quarta-feira, 8 de junho de 2011

Para a mix tape da nossa amiga

 

Infelizmente não encontrei vídeo sem ser ao vivo, por isso segue só a música. ZZ Top é um dos poucos CDs que tenho no carro. Se esta música não foi feita para dar gás à condução, então não existem músicas feitas a pensar nisso ;)

Música para ouvir sempre

Acho que todos se lembram e por isso...

Lamb- Gabriel

terça-feira, 7 de junho de 2011

Os Tornados

Banda tuga que nunca ouvi falar, mas que disponibilizou o novo álbum para download grátis aqui:

http://www.ostornados.com



Até gosto.. É assim música de baile old school, vocês que são novos já não apanharam cenas assim, mas elas existiam!

Sleigh Bells - Rill Rill

Outro dia falei nisto para a playlist da BMA. O estilo, que tanto lhe fez confusão, chama-se noise pop, o que logo à partida me parece extremamente apelativo.. São um duo de new york:



segunda-feira, 6 de junho de 2011

Angus & Julia Stone

Angus & Julia Stone é um dueto formado por um casal de irmãos de Newport, norte de Sydney, Austrália.

Paper Aeroplane





e também

Mango Tree




site da banda: http://www.angusandjuliastone.com/

Imogen Heap

Imogen Jennifer Jane Heap (9 de dezembro de 1977) é uma cantora e compositora inglesa. Ficou mais famosa com a sua colaboração no trabalho do grupo Frou Frou e em 2005 com o seu cd solo Speak for Yourself.

in Wikipédia



Site oficial: http://imogenheap.com/site.html

sexta-feira, 3 de junho de 2011

MIX TAPE!!!

PRECISO DE UMA PAYLIST!




Pois, venho por este meio solicitar a vossa ajuda para fazer uma mega play-list para gravar um novo CD para o meu carro bombar por essas estradas fora!

Sei que são pessoas ocupadas, e sabe-se lá que mais, por isso só peço: as 10 MELHORES MÚSICAS DE TODOS OS TEMPOS ou AS 10 ÚLTIMAS MÚSICAS QUE OUVIRAM HOJE, ou simplesmente as músicas que vocês acham que TÊM que fazer parte de um CD de condução!

Sim? Boa? Ya? Coise? São 5 minutos do vosso tempo!

The Dead Weather

Like it a lot :D


The Dead Weather is an American alternative rock supergroup, formed in Nashville, Tennessee in 2009. Composed of Alison Mosshart (of The Kills and Discount), Jack White (of The White Stripes and The Raconteurs), Dean Fertita (of Queens of the Stone Age) and Jack Lawrence (of The Raconteurs and The Greenhornes), The Dead Weather debuted at the opening of Third Man Records' Nashville headquarters on March 11, 2009. The band performed live for the first time at the event, immediately before releasing their debut single "Hang You from the Heavens."

The band's second studio album, Sea of Cowards, was released first in Ireland on May 7 2010, then on May 10 and 11 in the United Kingdom and the United States, respectively. The first single off the album, "Die by the Drop", was released March 30.

Would you like to know more? http://en.wikipedia.org/wiki/The_Dead_Weather



site oficial: http://thedeadweather.com/

Nota: Para quem não sabe de onde vem o "Would you like to know more?"


quinta-feira, 2 de junho de 2011

Noiserv

Já não deve ser novidade para ninguém, mas ainda agora estava a ouvir e "epah, eu gosto disto"! Ronhónhó fofinho, tipo caixinha de música acústica (se é que isto faz algum sentido)!



Depois de uma tentativa frustrada de ver o moço ao vivo e a cores no Clube Ferroviário, as nossas ambições não foram demovidas: ALGUM DIA HAVEMOS DE CONSEGUIR!

Bueda links:
Site oficial: http://www.noiserv.net/
my_____: http://www.myspace.com/noiserv
FB: http://www.facebook.com/pages/Noiserv/135045871677
Optimus discos (download gratuito): http://www.optimusdiscos.com/discos/a-day-in-day-of-the-days

quarta-feira, 1 de junho de 2011

Iron & Wine - Resurrection Fern

Americano, da Carolina do Sul, foi buscar o nome a um suplemento alimentar que andava a tomar para perder uns quilos, chamado Beef Iron & Wine. Eu diria que o tipo de música que toca é assim assim a modos que folk rock, embora saiba bem, que ao dizer isto já ninguém vai ouvir o video hehehe! Ah, o tipo chama-se Samuel Beam.

Gosto do ar alucinado do gajo:


Fica o vídeo da minha preferida:



Foto do suplemento, pareceu-me relevante:


quinta-feira, 26 de maio de 2011

Metric

Metric é uma banda canadense de rock formada em 1998 na cidade de Toronto.

E é isto se está a ouvir neste momento a partir de uns phones bem estilosos :P



my______:  http://www.myspace.com/metric

terça-feira, 24 de maio de 2011

a banda mais bonita da cidade



FaceBook: http://www.facebook.com/abandamaisbonitadacidade?sk=app_2405167945
my______: http://www.myspace.com/abandamaisbonitadacidade

Destroyer

Destroyer são uma banda de rock indie formada por Dan Bejar em 1995.



Bejar calls Destroyer's style "European Blues". It is often compared to David Bowie; the band's admitted influences are Pavement, and Guided by Voices, as well as other indie and shoegaze bands. Bejar's lyric stylings are also noteworthy for their cryptic poetry, which frequently vex and intrigue listeners. Bejar openly borrows phrases from other artists and a variety of other sources, even political rhetoric (ex: Ronald Reagan's "Evil Empire"). Your Blues presented a new direction in Destroyer's style by introducing orchestral elements as well as a heavy reliance on midi instruments.

in Wikipedia, the free encyclopedia

segunda-feira, 23 de maio de 2011

what a wonderful world



Hoje apetece-me partilhar esta música, porque é um verdadeiro clássico, que eu dedico aos meus avós, porque é a música que eu canto pa adormecer as minhas sobrinhas :)

sexta-feira, 20 de maio de 2011

The Felice Brothers - Your belly in my arms


A minha banda preferida dos últimos tempos, começaram a tocar no metro em Nova York, mais precisamente nas estações da 42nd Street e Union Square. Os irmãos são o Ian e o James Felice.

Nem sei bem que música meter aqui, eles são mesmo muito bons, fica esta: